PREGNANCY WEIGHT GAIN?

I have been receiving too many messages on my Instagram account about people asking and questioning my belly at 22 weeks.

First of all, I would like to share this with you because I believe in respecting differences, and that each woman is unique and has its particularities. Most of the messages would question the size of my belly, which is relatively small for 5 and half months, and ask about my pregnancy diet. Some messages would criticize about me dieting while pregnant, so I just wanted to be clear about it here also because I understand that my posts influence people and I want to make sure they impact each one of you in the right way.

As a first time mum, I am unsure of what my belly should look like on my 5th month. As per what I have read online and in books, each woman has a different size of belly that is correspondent to their physical characteristics, such as how long is her core, how strong are the muscles, how is her posture, how the organs are positioned, and more. There is no formula for a belly size, it is a complicated math that combines so many individual factors, and by criticizing someone’s belly size, you may not be contributing in a positive way to that person’s pregnancy as you may cause stress.

Regarding diet during pregnancy, there are a couple of aspects that every mum should look at, such as we become more prone to diabetes and high blood pressure, so it is better to opt for a low sugar and salt diet. However, it is essential for the baby’s development that you do not deprive yourself of food. And unlike some people may think, I am not depriving myself of food.

I started this post saying that every woman is different, and that is true. Some would eat a lot and never gain weight; others have the contrary effect. During pregnancy, you really can not predict. Doctors will recommend a healthy and complete diet and will be able to tell you by your weight and height how many calories a day you should be consuming. Particularly, as I have controlled my daily calories for years, I decided not to do so during pregnancy because my focus is on the baby’s health, and not the body – I know after giving birth I will work hard to recover my pre-pregnancy body. So I am eating healthy and as much as I feel like I should.

My advise to you all would be to listen to your body. During pregnancy, your taste buds change, and you crave foods you have never desired before. Obviously, if your mind tells you to eat a whole lot of ice cream, you shouldn’t. But if you are craving freshly squeezed orange juice (like me) go for it. Just remember that everything should be consumed in moderation and that our bodies tell what we need and when we need it.

Lastly, as you all may know I was following a very low meat diet before pregnancy,  meat represented only 5% of my diet. However, since I got pregnant, I have increased the amount of meat substantially as I had low vitamin B and did not want to compromise the baby’s development by any chance. This was my choice, and I am not here to say it is right or wrong, is just what I chose to do.

This post is very personal and has the aim of bringing awareness on pregnancy, weight gain, and women worrying about their post-pregnancy bodies. The reality is that your body will change during pregnancy and that is a beautiful thing. It is magical to see your belly growing, your boobs changing, and a lot of times the weight gain is an increase in blood, size of the uterus, and more. So, do not focus on that. Your focus should be on health, after giving birth, give your body the time to recover and work hard to get back in shape because only with diet and exercise you can achieve your fitness goals.

I hope I was able to clarify some of your questions and critics,

Thank you for all of your messages,

Love.

Mari

Recebi muitas mensagens na minha conta do Instagram sobre pessoas perguntando e questionando minha barriga com 22 semanas.

Antes de tudo, gostaria de compartilhar isso com vocês porque acredito no respeito às diferenças, e que cada mulher é única e tem suas particularidades. A maioria das mensagens questiona o tamanho da minha barriga, que é relativamente pequena para 5 meses e meio, outras perguntam sobre minha dieta durante a gravidez. Algumas mensagens criticariam sobre eu fazer dieta nesse periodo, então eu preferi clarificar algumas coisas pois tenho consciência de que minhas postagens influenciam pessoas e eu me into na obrigação de garantir que o meu impacto seja da maneira correta.

Como mãe da primeira mão, não tenho certeza de como minha barriga deveria parecer no meu 5º mês. De acordo com o que eu li on-line e em livros, cada mulher tem um tamanho diferente de barriga que corresponde às suas características físicas, como a extenssão do seu abdomen, quão fortes são seus músculos, como é sua postura, como seus órgãos estão posicionados e mais. Não há fórmula para o tamanho da barriga, é uma matemática complicada que combina tantos fatores individuais e, ao criticar o tamanho da barriga de alguém, você pode não estar contribuindo de maneira positiva para a gravidez dessa pessoa, pois pode causar estresse.

No que diz respeito à dieta durante a gravidez, existem alguns aspectos que cada mãe deveria prestar atenção, como nos tornamos mais propensos a diabetes e pressão arterial elevada, por isso é melhor optar por uma dieta baixa em açúcar e sal. No entanto, é essencial para o desenvolvimento do bebê que você não se prive de alimentos. E ao contrário do que algumas pessoas pensem, não estou me privando de comida nenhuma.

Comecei esta publicação dizendo que toda mulher é diferente, e isso é verdade. Algumas comem muito e nunca ganham peso; outras têm o efeito contrário. Durante a gravidez, você realmente não consegue prever. Os médicos recomendam uma dieta saudável e completa (com grãos, proteína, carboidratos, frutas, e mais) e podem dizer pelo seu peso e altura quantas calorias por dia você deve estar consumindo durante a gestação. Particularmente, como eu controlo minhas calorias diárias há anos, decidi não fazê isso durante a gravidez porque meu foco é  na saúde do bebê e não no corpo – eu sei que depois de dar à luz trabalharei duro para recuperar meu corpo. Então estou comendo saudável e tanto quanto eu sinto que deva.

Meu conselho a todas vocês seria ouvir seu próprio corpo. Durante a gravidez, suas papilas degustativas mudam e sua preferência por certos alimentos também muda. Obviamente, se sua mente lhe disser para comer um monte de sorvete, você não deveria. Mas se você está desejando um suco de laranja espremido na hora (como eu), tome. Basta lembrar que tudo deve ser consumido com moderação e que nossos corpos nos dizem o que precisamos e quando precisamos comer.

Por último, como todos vocês devem saber eu estava seguindo uma dieta de carne/peixe muito baixa antes da gravidez, a carne representava apenas 5% da minha dieta (normalmente quando comia na casa de alguém ou ia a um restaurant sem opções). No entanto, desde que fiquei grávida resolvi aumentar a quantidade de carne substancialmente como eu estava com a minha vitamina B baixa e não queria comprometer o desenvolvimento do bebê. Esta foi a minha escolha, e não estou aqui para dizer que está certo ou errado, é somente o que eu escolhi fazer.

Este post é muito pessoal e tem como objetivo não só esclarecer minha situação mas também ajudar a todos a compreenderem sobre a gravidez, ganho de peso e particularidades de cada mulher. A realidade é que seu corpo vai mudar durante a gravidez e isso é uma coisa linda. É mágico ver sua barriga crescer, seus seios mudando e muitas vezes o aumento de peso é necessário pois existe um aumento no sangue, no tamanho do útero e muito mais. Então, não se concentre nisso. Seu foco deve ser na saúde, depois de dar à luz, dê ao seu corpo o tempo necessário para se recuperar e trabalhe duro para voltar a alcançar seus objetivos, porque somente com dieta e exercício você pode chegar lá, mas isso fica para mais tarde!

Espero ter conseguido esclarecer algumas das suas perguntas e críticas,

Obrigado por todas as suas mensagens,

Amor,

Mari

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *